"Vitamina D": 1 Pílula por Dia pode Salvar Milhares de Vida!

Todos os estudos apresentados na maior cúpula de câncer do mundo sugerem que passar mais tempo ao ar livre ou a ingestão de uma pílula diária de vitamina D pode salvar milhares de vidas, reduzindo o risco de morrer de câncer.

cancer-de-mama2

Pesquisadores estudaram dez ensaios clínicos que duraram vários anos. Eles atenderam 79.000 pessoas na meia-idade e na velhice. Aqueles que receberam cápsulas de vitamina D em vez de placebo foram 13% menos propensas a desenvolver câncer e morrer por este motivo.

Segundo os especialistas, agora a ação necessária para a prevenção do câncer deve ser ar fresco ou a ingestão diária de vitamina D. Claro, você deve consultar o seu médico antes de tomar um suplemento dietético.

"Eu gostaria que mais oncologistas e profissionais de cuidados primários considerassem a prescrição de vitamina D para seus pacientes, uma vez que tem muitos benefícios com efeitos colaterais mínimos", disse Tarek Haikal, pesquisador da Michigan State University.

Não negligencie a nutrição correta. Como você sabe, a principal fonte de vitamina D é a luz solar, assim como alguns alimentos, incluindo peixes gordurosos (salmão, sardinha e cavala), carne vermelha e ovos.

VITAMINA-D-CMF

Em um outro estudo, pacientes com tumor de próstata que receberam estatinas e a vitamina D viram suas chances de morrer caírem em 38%.

A pesquisa também revela que adultos com níveis baixos têm duas vezes mais chances de desenvolver câncer pancreático.

Enquanto isso, um estudo publicado no New England Journal of Medicine descobriu que a vitamina D teve um impacto "impressionante".

vitamina-640x330

O Dr. Daniel Bikle, da Universidade da Califórnia em São Francisco, disse que os britânicos devem considerar suplementos durante toda a sua vida.

Ele disse: "Mesmo que você comece quando tiver 65 anos e já tiver níveis saudáveis, tomando um suplemento, poderá reduzir o risco de morrer de câncer em 15 a 20%".

A falta desta vitamina é um problema comum hoje em dia. Segundo várias estimativas, cerca de um bilhão de pessoas sofrem com isso na Terra. Incluindo - um terço dos residentes nos Estados Unidos, 75% dos britânicos, 60-80% dos indianos na Índia, Paquistão e China. Na Rússia, localizada em uma zona de isolamento baixo, quase todas as regiões estão em perigo.

Fonte: The Sun



Compartilhar no Facebook