Pulserinha de Papel avisa quando você passou tempo demais no Sol!

Seu corpo só sintetiza vitamina D se você tomar um pouco de Sol. Mas vale lembrar que é só um pouco mesmo. Afinal, o simpático astro rei na verdade é uma bola de plasma queimando 600 milhões de toneladas de hidrogênio por segundo numa fornalha a 15000000 ºC. Em outras palavras, ele libera um bocado de radiação – que, ao atingir sua pele por período prolongados, pode resultar em queimaduras e, com um pouco de azar, câncer. Em outras palavras, o Sol é uma droga: só faz bem na dose certa!

file-20180924-85773-chmkuq

Para facilitar e deixar claro qual é o limite saudável, um grupo de pesquisadores liderados por Vipul Bansal, pesquisador da Universidade RMIT, na Austrália, criou um método simples e barato: uma pulserinha de papel com quatro emojis. Eles mudam de cor quando são expostos à radiação ultravioleta (UV).

5-1024x231

O acessório é capaz de distinguir dois tipos de UV – o A e o B, que causam problemas de saúde diferentes –, e também pode ser regulado de acordo com a cor da pele do usuário: quanto mais melanina, mais tempo de bronze a pessoa aguenta, e mais a pulseira demora para escurecer.

Paper-uvr-sensor-2

O truque é imprimir os emojis com uma tinta feita de ácido fosfomolíbdico (conhecido pela sigla PMA) – uma substância que normalmente é incolor, mas se torna azul quando é exposta à luz solar.

Genial!

Fonte: Super Interessante

The Guardian



Compartilhar no Facebook