"Bombom fitoterápico" contra TPM e Ansiedade vira febre entre cariocas!

Precisa emagrecer? Reduzir a TPM? Ou barrar algum processo inflamatório? A solução pode não ser fechar a boca ou apelar para um remedinho. E, sim, investir num bombom. Com princípios ativos fitoterápicos, o chocolate vendido em farmácias de manipulação — mas só com receita — virou o queridinho de uma turma de pacientes que não pode passar sem uma novidade.

Sim, paciente, pois, apesar de o produto ser à base de cacau, não se trata apenas de um doce. Só pode ser prescrito por nutricionistas e médicos. A dermatologista Paola Queiroz, que já recomendou os bombons em seu consultório na Barra para mais de 50 pessoas, explica que não se pode acabar com a caixa de guloseimas de uma vez só. A panaceia tem até posologia!

83189717_RI-Rio-de-Janeiro-RJ-14-06-2019Chocolates-manipulados-sao-a-nova-moda-entre-os-descolado

"Esse é um tratamento fitoterápico como qualquer outro. Sendo assim, também não pode ter abuso. Geralmente, a dose é de 2 por dia. Nada de comer 10 de uma vez ou de dar para as crianças", diz a médica, que costuma devorar alguns. "Como às vezes o que tem picolinato de cromo e triptofano, que é o que diminui a vontade de comer doce".

De acordo com a dermatologista, a quantidade a ser consumida diariamente varia de acordo com a composição do bombom, já que cada ativo tem sua dose independente. “A composição é de acordo com a necessidade do paciente e com o que ele está procurando. Geralmente, eu faço para pessoas mais chocólatras que querem perder peso. Porque o sobrepeso também influencia algumas dermatites, como acne e psoríase”, explica.

A nutricionista Sarah Stroppa costuma indicar o doce para pacientes com compulsão alimentar, ansiosos, com insônia e para os que sofrem com resistência insulínica.

Com dois ativos especiais, é possível até reduzir a vontade de doce. “O picolinato de cromo ajuda a regular os níveis de glicose no sangue por potencializar a ação da insulina. Já o 5htp (5-hidroxitriptofano), precursor da serotonina (neurotransmissor do bem-estar), ajuda a acalmar. Com isso, consigo controlar picos de ansiedade. Além disso, a serotonina vai se transformar em melatonina, hormônio do sono”, diz.

xChocolates-manipulados.jpg.pagespeed.ic.xkLSQPfo2b

O formato de bombom faz sucesso, pois, além dos benefícios conhecidos, o paciente ainda come um chocolatinho acima de 70% de cacau, que é rico em antioxidantes, melhora inflamação, melhora vascularização, o humor... Mas vale sempre lembrar que o tratamento deve ser acompanhado por um profissional.

O armazenamento dos chocolates de manipulação também precisa ser especial. Eles devem ficar longe do calor e da umidade e alguns, dependendo da fórmula, não podem ficar mais de duas horas fora da geladeira.

O preço, no entanto, não é tão doce assim. Uma caixa com 30 unidades do bombom pode sair por cerca de R$ 100.

Fonte: O Globo



Compartilhar no Facebook