Bebê com CÓLICA? Probiótico ajuda a reduzir choro causado pelo desconforto!

A cólica infantil é muito comum e afeta até 25% dos bebês nos três primeiros meses de vida. E embora não se saiba exatamente o que causa esse desconforto nos bebês, a microbiota intestinal parece ter uma influência importante. É o que mostra um estudo randomizado, duplo-cego, realizado pela Universidade de Nápoles Federico II, na Itália.

Os pesquisadores perceberam que o consumo de um probiótico específico por mães de bebês recém-nascidos, e com amamentação exclusiva, reduziu o tempo de choro das crianças com cólicas.

Is-it-instinct--reflex-or-biological-response-of-a-newborn-to-cry

Para chegar à conclusão do estudo, os pesquisadores da instituição dividiram 80 mães de bebês até sete semanas de vida em dois grupos: as que fizeram uso do placebo e as que receberam uma dose diária do probiótico Bifidobacterium animalis, na subespécie lactis BB-12.

Todas as crianças da pesquisa sofriam com cólicas e, logo na primeira semana, os pesquisadores perceberam uma redução no tempo de choro em 80% das que fizeram uso do probiótico. Após os primeiros 28 dias, a duração do choro foi reduzida pela metade. Entre o grupo que fez uso do placebo, apenas 31,5% dos bebês tiveram o mesmo resultado.

happy-mom-dad-and-baby-snuggling

Os pesquisadores também perceberam uma melhora no sono, na frequência e na consistência das fezes das crianças. "O efeito pode ser derivado de mecanismos imunológicos e não-imunológicos associados a uma modulação da estrutura e da função da microbiota do intestino", apontam os pesquisadores no periódico Alimentary Pharmacology and Therapeutics, site no qual o estudo foi divulgado em dezembro.

O que são os probióticos?

Os probióticos são alimentos que trazem bactérias benéficas à saúde em sua composição. Produtos conhecidos que podem contê-los são iogurtes, leites fermentados e queijos, além de cápsulas e sachês."

Fonte: Gazeta do Povo



Compartilhar no Facebook