7 Sintomas do Intestino Permeável e como Evitá-lo!

Você já ouviu falar do intestino permeável? Esta é uma condição cada vez mais comum e muito perigosa. Mesmo assim, nem todos estão atentos ao problema!

Ter intestino permeável significa que algumas substâncias da digestão simplesmente “vazam” dos seus intestinos, indo parar onde não deveriam.

Probioticos-e-enxaquecas_Fig02_PT

Isso pode causar vários problemas de saúde. Já se sabe que algumas doenças, como a diabetes tipo 1, são precedidas por um intestino permeável. Além disso, a pele sofre bastante. O eczema, e a acne, por exemplo, podem ocorrem quando proteínas parcialmente digeridas e vazadas dos intestinos chegam à corrente sanguínea.

Agora… Será que esse é o seu caso? Será que seus intestinos estão permitindo a passagem de nutrientes de forma errada e até de toxinas para o seu corpo?

Confira alguns sintomas que podem indicar o problema:

1. Doenças autoimunes

Se você tem alguma doença autoimune, saiba que ela pode ser causada pelo intestino permeável. Pesquisas indicam que a desregulação de uma proteína chamada zonulina, que atua como moduladora fisiológica, pode provocar reações autoimunes.

Alguns alimentos, como o glúten, podem causar essa desregulação. A boa notícia é que o quadro é reversível quando se adequa a alimentação.

2. Falta de nutrientes

Você fez algum exame recentemente e notou que os níveis de certas vitaminas e até minerais estão baixos? Bom, se os seus intestinos estão “vazando”, é possível que seu organismo não esteja absorvendo adequadamente tudo o que consome.

Não adianta nada comer corretamente se a absorção desses nutrientes é deficiente! Portanto, níveis desregulados podem indicar que há algo de errado com seus intestinos, inclusive a permeabilidade.

3. Problemas cognitivos

Algumas pesquisas indicam ainda que o intestino permeável pode estar ligado a problemas cognitivos e de humor. Segundo essas hipóteses, até mesmo o autismo poderia ter relação com a flora intestinal e o intestino permeável.

Além disso, a condição também desencadeia o aumento da liberação de citocinas pró-inflamatórias, que tem papel relevante nos quadros de depressão.

4. Problemas de tireoide

Se sua tireoide anda apresentando problemas, o motivo pode ser o intestino permeável. Condições como a doença de Hashimoto, também conhecida como tireoidite crônica, é uma das doenças crônicas que podem ser resultantes do “vazamento” nos seus intestinos.

5. Alergias e sensibilidades alimentares

Quando seus intestinos permitem a passagem de alimentos parcialmente digeridos para a corrente sanguínea, seu corpo os interpreta como invasores. Logo começa a produção de anticorpos, que em excesso o torna mais sensível a alimentos como glúten e laticínios. É daí que vem muitos casos de alergias alimentares.

6. Problemas de pele

Muitos dos processos inflamatórios na pele, como a acne, eczema e psoríase, podem ter origem no intestino permeável.

A questão aqui recai novamente sobre a chegada na corrente sanguínea de nutrientes não digeridos e toxinas, que geram inflamação e consequentemente prejuízos à pele.

7. Doença inflamatória intestinal

Pesquisas indicam que indivíduos com síndrome do intestino irritável e colite ulcerativa são mais predispostos a apresentarem também o intestino permeável. Se esse é o seu caso, fique de olho!

Dicas rápidas para evitar o intestino permeável

Como a melhor medicina é a prevenção, confira agora algumas dicas para evitar o intestino permeável e as consequências listadas acima. Veja:

1. Cuide do estresse

Quanto maior o seu estresse, maior o risco de prejuízos à sua saúde intestinal e à permeabilidade dos seus intestinos.

2. Pratique atividade física de forma consciente

Quando praticamos atividades físicas, aumentamos a quantidade de bactérias boas nos nossos intestinos, otimizando a saúde intestinal.

Porém, o excesso de exercícios sem o descanso necessário acaba gerando um quadro de estresse crônico que pode levar ao intestino permeável.

3. Consuma alimentos ou suplementos probióticos

healthy-breakfast-yogurt-granola-1280x564-731x322

Essa é a melhor forma de fornecer as boas bactérias aos seus intestinos, garantindo mais saúde.

4. Consuma fibras

Elas são os alimentos das bactérias boas. Sem fibras, esses micróbios começam a agredir o revestimento mucoso do intestino, gerando a síndrome do intestino permeável.

5. Evite os grãos

O trigo e outros grãos contêm proteínas glutinosas, conhecidas como prolaminas, difíceis de digerir. Elas podem tornar seu intestino mais permeável.

Previna-se! E caso tenha alguns dos sintomas citados no início do artigo, vale a pena mudar sua alimentação e seus hábitos. Além disso, é claro, converse com o seu médico. Supersaúde!

Referências bibliográficas:

Clin Rev Allergy Immunol. 2012 Feb;42(1):71-8
Asian Pac J Allergy Immunol. 2014;32(4):345-353.
Pediatr Allergy Immunol. 2013;24(6):589-595.
Gut. 1988 Dec; 29(12): 1621–1624.
Neuro Endocrinol Lett. 2008;29(1):117-124.
Nutritional neuroscience vol. 18,4 (2015): 145-61.
Inflamm Bowel Dis. 2001 May;7(2):94-8.
Pediatrics November 2012, 130 (Supplement 2) S160-S168.
Scand J Gastroenterol. 2006 Apr;41(4):408-19.
Diabetes. 2006 May;55(5):1443-9.
Diabetes Care.  2006 Nov; 29(11): 2483-2488.
Gastroenterology. 1999;117:297–303
BMJ Case Reports. 2012; doi:10.1136/bcr.02.2012.5878
Svensson et al. SpringerPlus. 2016.  5:994
J Clin Endocrinol Metab. 2003 Jan;88(1):162-5.
Nutrients 2017, 9, 482
Theor Appl Genet. 2010 Nov; 121(8): 1527–1539.
Diabetes Metabolism Research and Reviews. 2016 Oct. Vol 32 – 675-684
Cardiovascular Diabetology. 2009
Physiol Rev. 2011;91(1):151-175.
Scand J Gastroenterol. 2006;41(4):408-419.
Annals of the New York Academy of Sciences vol. 1258,1 (2012): 25-33.
Por que o Trigo Moderno nos faz Tanto Mal? – www.DrRondo.com

Fonte: Dr. Rondó



Compartilhar no Facebook