Sofre com os sintomas da TPM? Consuma mais Magnésio!

Pouco se fala sobre o magnésio, mas ele é um importante mineral, que deve estar presente na alimentação diária de quem procura saúde e bem-estar. Dentre seus inúmeros benefícios, existe um especialmente interessante para as mulheres: o alívio da TPM.

“Ele é um dos minerais que chamamos de maestro do corpo, pois realiza mais de 350 processos metabólicos e funções enzimáticas. Uma boa quantidade de magnésio no corpo resulta em benefícios para diversas partes do organismo", comenta Fernanda Fadovai, nutricionista parceira da NAIAK.

Tpm

Benefícios do magnésio para a saúde

O magnésio tem papel importante no funcionamento do organismo de ambos os sexos. "É essencial para a saúde muscular, funcionamento dos nervos, sistema imunológico, equilibra do ritmo cardíaco e até mesmo para qualidade dos ossos", diz a profissional.

Porém, no corpo das mulheres, pode ter um papel ainda mais importante. Isso porque o mineral é capaz de atenuar muito os sintomas típicos da tensão pré-menstrual (TPM), justamente por regular o funcionamento do organismo como um todo.

“Uma boa ingestão de alimentos ricos em magnésio pode driblar a retenção de líquido, pelo bom funcionamento dos rins, a sensibilidade nos seios, cólicas e até mesmo câimbras", comenta Fadovai.

dor-cronica-11475135-2288

Mulheres mais velhas também podem sentir diferença ao incluir mais fontes ou suplementos de magnésio no cardápio. "Mulheres na menopausa têm uma melhora significativa com a suplementação de magnésio, pois o organismo funciona de maneira mais equilibrada e regula até o humor."

Deficiência de magnésio

A especialista comenta que a insuficiência deste mineral no organismo pode causar diversos efeitos e doenças. "Porém, poucos profissionais os relacionam com o magnésio", comenta. Entre os malefícios que isso pode causar: câimbras, doenças cardiovasculares, diabetes, hipertensão, enxaqueca, osteoporose e infarto cerebral.

Magnésio na alimentação e suplementação

É possível adquirir boas doses de magnésio consumindo alimentos riscos no mineral, porém, Fernanda Fadovai alerta que, se a deficiência já está consolidada, não é possível reverter o quadro só no cardápio.

"Outro fator que pode comprometer a absorção pela alimentação é o comprometimento da parte gástrica estiver devido a quadros de refluxo ou queimação estomacal" comenta.

Nestes casos, o ideal é procurar um profissional de saúde para fazer exames que comprovem a deficiência do magnésio para suplementar da maneira correta e, depois que os marcadores se estabilizarem, seguir apenas com alimentação.

"Mas para quem busca atenuar a tensão pré-menstrual, recomendo a suplementação diária por 2 meses de dimalato de magnesio e, depois disso, a cada 10 ou 15 dias antes da menstruação".

Alimentos ricos em magnésio

16583955_1522038584496164_1271229479741554688_n

  • Abacate
  • Banana
  • Folhas verdes escuras, como espinafre e couve
  • Quiabo
  • Aveia
  • Semente de abóbora, girassol, gergelim
  • Rapadura
  • Melaço de cana
  • Lentilha
  • Oleaginosas

Atenção! A suplementação de magnésio precisa ser feita com auxílio de um profissional de saúde capacitado.

Fonte: Vix




Receba Dicas de Saúde Grátis

Tenha uma vida mais saudável com nossas melhores dicas e novidades.

Compartilhar no Facebook