Será que você está com Anemia? Preste atenção nesses 11 Sinais!

Muitas pessoas acreditam que a anemia é uma doença de menor importância. Mas não deveriam. Ela pode debilitar uma pessoa e causar problemas sérios no coração, se não tratada corretamente. Tudo isso por falta de ferro, vitaminas ou ácido fólico.

Além disso, ela nunca vem sozinha: há sempre uma causa para a doença acontecer. O câncer é uma das doenças que provoca anemia, por exemplo.

A anemia consiste em ter uma baixa de hemoglobina, uma célula do sangue que carrega oxigênio. Sem elas, não há oxigenação adequada dos tecidos do corpo e aí surgem os problemas.

“A anemia nunca é causa de alguma coisa, mas consequência”, explica o hepatologista e gastroenterologista do Hospital Beneficência Portuguesa, Rogério Alves.

Ele conta que assim que se descobre que um paciente está com anemia é necessário investigar as causas por trás da doença. “Pode ter um tumor no trato gastrointestinal, esôfago ou intestino, a pessoa pode estar perdendo ferro por aí, ou até mesmo uma verminose”, conta.

Além disso, há a anemia causada por carência de ferro, de ácido fólico, vitamina B12 e menstruação excessiva, explica Rogério. Conhecendo melhor o problema, é possível direcionar o tratamento.

Alves explica ainda que a gama de doenças que causam anemia é grande. “Leucemias, doenças autoimunes, linfomas, doenças hereditárias, entre outras”, diz.

No caso de mulheres jovens, a menstruação excessiva é, mais comumente, uma das causas de anemia ferropriva, aquela causada por carência de ferro.

“Quando o fluxo é muito intenso, a mulher perde muito sangue e pode ter anemia imediatamente ou esperar alguns meses para ter”, explica a ginecologista e coordenadora da Clínica da Mulher do Hospital 9 de Julho, Barbara Murayama. “Nesse caso é preciso entrar com suplementação de ferro. Dependendo do caso, uma das opções é suspender a menstruação”, conta. "O mais importante é investigar a razão desse sangramento para então direcionar o tratamento".

11 Sinais de que você pode estar anêmico

1. Fadiga



Sensação de cansaço súbito ou inexplicável “quebra” na sua energia é um dos sintomas mais comuns de quem está sofrendo de anemia. Também pode se apresentar como sonolência fora de hora e sem razão que explique.

2. Taquicardia

Ou seja, o aumento da frequência cardíaca, em repouso. É normal que a nossa frequência cardíaca aumente quando fazemos um esforço grande, ou exercício ou, quando estamos com febre, por exemplo mas, a taquicardia em repouso não é normal - pode ser derivada de anemia pois, no caso o organismo tem que se esforçar além da conta para oxigenar o cérebro.

3. Queimação da língua e mucosas

É resultado de uma inflamação de toda a língua, de nome glossite, derivada da anemia - você sentirá queimação, desconforto, dificuldades de engolir. É possível que junto com a mucosa bucal você também sinta desconforto em outras mucosas como a anal, vaginal, ocular ou que estas se apresentem esbranquiçadas. Parte interna dos olhos (conjuntiva) muito branca.

4. Unhas e cabelos quebradiços

Deformações da superfície da unha (que pode se apresentar côncava ou plana) podem indicar que seu organismo não está conseguindo absorver o ferro contido nos alimentos que você come.

5. Palidez e falta de viço na pele

É uma das características das pessoas anêmicas pois indicará problemas de circulação sanguínea também resultantes da anemia. Palma das mãos ficam bem brancas. Nas crianças, observa-se a coloração das mucosas da boca, gengivas, olhos e unhas que é onde mais cedo aparecem esses sintomas.

6. Cãibras

Podem ser originadas de esforço abrupto, de falta de potássio ou magnésio na sua alimentação e também, pode ser um dos sintomas de anemia.

7. Boca seca

É um sintoma típico de carência do mineral ferro. Também o são as feridinhas e rachaduras nos lábios e cantos da boca. Há também uma vontade de comer arroz cru, ou também, de comer terra.

8. Perda de tato

Formigamento de pés e mãos, dificuldades para andar e rigidez nos membros, inferiores ou superiores, são indicativos tanto de anemia quanto da deficiência da vitamina B12.

9. Dor abdominal combinada com pele amarelada

Urina escura ou avermelhada, problemas renais e até convulsões são sintomas urgentes que indicam anemia profunda por destruição das células vermelhas do sangue.

10. Dificuldades respiratórias

Sem outros motivos é indicativo de anemia severa, especialmente em crianças.

11. Dificuldades de aprendizado

Alterações comportamentais também são indicativos de anemia severa em crianças.

Então, caso você observe algum desses sintomas em seus filhos ou familiares, é preciso que os encaminhe ao médico para que este faça os exames correspondentes e ajuste suplementos ou medicação necessários. Sem cuidados, a anemia pode matar.

Mais comum

Felizmente, a anemia mais comum é a justamente a ferropriva, que pode ser revertida com acompanhamento médico e evitada por meio de uma boa alimentação. “Se a pessoa comer carne, verduras de cor verde escura e feijão, ela consegue a quantidade de ferro necessária para o dia”, conta a ginecologista Barbara Murayama.

O ferro é absorvido no estômago e no início do intestino, conta Rogério Alves. A hematologista explica que a vitamina C ajuda o ferro ser absorvido.

“Sempre que for comer algum alimento com ferro, ingira antes vitamina C, como limão ou laranja”, diz ela. Se a refeição for acompanhada por refrigerante à base de cola, todo o esforço foi em vão, pois essa bebida diminui a absorção de ferro. Além disso, o café e chá preto estão na lista negra daqueles que querem evitar a doença.

Os vegetarianos, por não consumirem carne – o ferro mais bem absorvido é o da carne – precisam estar atentos para os vegetais ricos no nutriente e manter uma dieta constante para que não haja carência. Descuidos podem fazer com que a hemoglobina caia e cause todos os sintomas de anemia.

Fique atento aos sinais! Compartilhe!

Fonte: Saúde Ig




Receba Dicas de Saúde Grátis

Tenha uma vida mais saudável com nossas melhores dicas e novidades.

Compartilhar no Facebook