Perca Peso Agora

Por Que Temos Dores nos Pés?

Hoje, até jovens de 20, 30 anos são afetados. Entre as causas, destaque para exercícios sem orientação. Ligamentos, músculos, 33 articulações, 100 tendões e 26 ossos compõem a arquitetura dos pés. Convém cuidar bem deles, já que a pressão que suportam corresponde a cerca de 120% do peso do corpo.

Especialmente os adeptos de atividades físicas devem procurar um médico ao sentir qualquer desconforto. Quase sempre as dores surgem por calçado inadequado, excesso de exercícios ou problemas orgânicos. Mesmo que sejam inevitáveis, é possível suavizá-las ou impedir sua evolução.

Origem da dor

Joanete, uma deformação da articulação do dedão, talvez seja a causa mais comum.

Pés chatos sacrificam músculos e tendões e podem abrir espaço para dolorosas artrites e tendinites.

Já a curvatura exagerada dos pés não absorve bem o impacto com o solo, exigindo demais do calcanhar e da base dos dedos. A dor, neste caso, chega a refletir-se nos joelhos, quadris e nas costas.

Ossos e musculatura frágeis também causam dor – exercícios isométricos e suplementação alimentar são indicados. Excesso de peso pode ser um agravante.

Casos especiais

  • Diabetes: Quem sofre do mal deve ir ao médico para uma avaliação da saúde dos pés ao menos uma vez por ano. Mesmo antes de qualquer outra parte do corpo, os pés têm condições de sinalizar complicações causadas por má circulação do sangue. Perda de sensibilidade e problemas pelo uso de calçados inadequados são facilmente detectáveis numa simples consulta.

  • Circulação deficiente: Dores nos pés podem ser o mais evidente sintoma de distúrbios circulatórios. Doenças, como varizes nas pernas, indicam a possibilidade de afecções mais graves. Portanto, cuide-se. Caso seja fumante, lembre-se de que o fumo é um veneno para o sistema circulatório.

Boas escolhas

  • Tamanho certo: As medidas dos pés mudam conforme o peso, a idade, e determinadas circunstâncias, como gravidez. Não insista em calçados incômodos só por achá-los bonitos ou porque você calça aquele número. Depois de algum tempo, até os sapatos que você costuma usar podem não servir mais.

  • Prevenção natural: Fazer exercícios regulares, como andar, é um hábito importante na prevenção de problemas. Não se esqueça de usar tênis adequados em suas caminhadas, garantindo conforto e saúde para você e seus pés.

Fonte: Dr. Rondó



Receba Dicas de Saúde Grátis

Tenha uma vida mais saudável com nossas melhores dicas e novidades.

Compartilhar no Facebook