Perca Peso Agora

Óleo de Peixe Rico em Ômega 3. Você pode estar sendo Enganado com Promessas Exageradas ou Mentirosas!

O mercado de suplementos de óleo de peixe, ricos em ômega 3, movimenta milhões, anualmente, em todo o mundo. Porém, poucas pessoas sabem que, na verdade, ao consumir os comprimidos com o suplemento, estão colocando a saúde em risco.

Os efeitos colaterais do consumo de óleo de peixe vão desde hemorragias nasais a diarreia. As empresas afirmam que o ômega 3 e os ácidos graxos presentes nesses suplementos podem reduzir o risco de doença cardíaca e acidente vascular cerebral. Muitos rótulos também dizem que tomar pílulas de peixes impulsiona a função cerebral e previne o declínio cognitivo. O único problema é que um número crescente de estudos clínicos diz que isso não é verdade.

Seu corpo precisa de gordura ômega 3 para ajudar a adequar os hormônios necessários para diversas funções cardiovasculares e outras importantes. O corpo não cria ômega 3 do zero, então é preciso comer alimentos ricos em ácidos graxos poliinsaturados, como peixes e nozes. Porém, suplementos não são alimentos, e, como tal, o seu corpo lida com eles de maneira diferente. Mesmo o Instituto Nacional de Saúde diz: "Os benefícios de saúde dos suplementos dietéticos de ômega 3 não são claros".

O estudo mais recente, publicado no Journal of the American Medical Association assume os efeitos cognitivos de suplementos de óleo de peixe. Ao longo de cinco anos, os pesquisadores monitoraram a função cognitiva de 4 mil pessoas. Um terço deles recebeu suplemento de ômega 3. Outro grupo recebeu um suplemento completo de nutrientes encontrados em vegetais e folhas, e o último recebeu um placebo.

Os resultados foram abaixo do esperado. "Ao contrário da crença popular, nós não vimos qualquer benefício de suplementos de ômega 3 para parar o declínio cognitivo", disse Emily Chew, que liderou o estudo.

Ela também fez uma distinção entre os suplementos e os alimentos reais. "Os dados dizem que comer alimentos com ômega 3 pode trazer benefício para olhos, cérebro e saúde do coração", disse ela.

Embora o consumo de ácidos graxos ômega 3 mostre alguns benefícios, muitos estudos refutam os suplementos de óleo de peixe e seus supostos benefícios para a saúde do coração e do cérebro.

"De 2005 a 2012, pelo menos duas dezenas de estudos rigorosos de óleo de peixe foram publicados em revistas médicas, a maioria dos quais analisou se o óleo de peixe pode prevenir eventos cardiovasculares em populações de alto risco", relatou Anahad O'Connor, no The New York Times.

"Todos, exceto dois desses estudos, descobriram que, comparados com um placebo, óleo de peixe não mostrou nenhum benefício”.

Até mesmo o ex-chefe da American Heart Association pensa que a poderosa organização deve ajustar as suas recomendações. "Seria um bom momento para atualização", disse Robert Eckel. "Quase todos os estudos sobre os suplementos de óleo de peixe não mostram nenhum benefício.”

Fonte: Jornal Ciência

GIZMODO



Receba Dicas de Saúde Grátis

Tenha uma vida mais saudável com nossas melhores dicas e novidades.

Compartilhar no Facebook