Perca Peso Agora

Falta de "Vitamina B12" na Gravidez pode causar Diabetes no Bebê

Para garantir uma gravidez saudável, a futura mãe deve ter cuidados especiais com a sua alimentação. Uma dieta rica é determinante para o desenvolvimento do bebê. E entre os nutrientes que não podem faltar no cardápio, durante os nove meses de gestação, está a vitamina B12.

A vitamina B12 é um nutriente encontrado, principalmente, em produtos de origem animal, como carnes, ovos, leite e seus derivados. Ela é responsável por auxiliar na função neurológica, na formação dos glóbulos vermelhos e na síntese do DNA.

Um estudo recente da Universidade de Warwick, do Reino Unido, exibida na Conferência Anual de Endocrinologia, ressaltou sua importância para grávidas. Os pesquisadores detectaram que a baixa ingestão do nutriente na gestação pode resultar em problemas para o bebê, como diabetes tipo 2 e outras doenças metabólicas.

A pesquisa revelou ainda que a carência de B12 está ligada a alterações dos níveis de leptina. Esse hormônio é responsável por “avisar” quando estamos saciados. No bebê, isso pode resultar no crescimento da resistência à insulina e, com isso, aumentar o risco do pequeno desenvolver diabetes tipo 2 no futuro.

Para chegar a essa constatação, foram analisadas 91 amostras de sangue de mães e filhos e, com isso, foi verificada a quantidade de vitamina B12. Também foram analisadas 42 amostras de tecido adiposo e 83 do tecido placentário.

Segundo Ponusammy Saravanan, principal autor da pesquisa da Universidade do Reino Unido, a situação nutricional na mãe é determinante para a saúde do bebê.

“Nós sabemos que as crianças que nasceram de mães subnutridas têm maior risco de desenvolver problemas de saúde. Também vemos que a deficiência materna de vitamina B12 pode afetar o metabolismo das gorduras e contribuir para esse risco”, explicou.

Trabalhos anteriores já haviam mostrado que a falta da vitamina B12 pode elevar o IMC (Índice de Massa Corporal) das grávidas. Isso pode aumentar as chances dos bebês nascerem com baixo peso e colesterol alto.

Os especialistas precisam ainda discutir novamente as dosagens recomendadas para a mãe. Atualmente, o indicado é 2,6 microgramas durante a gestação e 2,8 microgramas para mulheres que estão amamentando.

Compartilhe!

Fonte: Doutíssima



Receba Dicas de Saúde Grátis

Tenha uma vida mais saudável com nossas melhores dicas e novidades.

Compartilhar no Facebook