Perca Peso Agora

Existe Amnésia Alcoólica?

Nem todo mundo que bebe, dá vexame e depois diz que não lembra de nada, está mentindo. "Amnésia alcoólica existe, sim. E é inclusive bem comum após a ingestão excessiva de álcool", afirma o psiquiatra Arthur Guerra, supervisor do Grupo de Estudos sobre Álcool e Drogas da USP.

Se você beber pouco, vai ficar animado, falante e lembrar de tudo. Mas, com o acúmulo de doses, o álcool passa de estimulante a sedativo.

"É como passar por uma endoscopia: você não recorda o que houve um pouco antes, durante e logo após o exame", diz Carlos Salgado, presidente da Associação Brasileira de Estudos do Álcool e Outras Drogas.

O que não significa que memória de bêbado não tem dono. "É como se elas tivessem uma senha e, para destravá-las, fosse preciso reproduzir as condições em que foram adquiridas", diz o neurocientista da USP, Gilberto Xavier.

Em geral, para se lembrar do que ocorreu na bebedeira anterior, basta que o individuo comece a beber novamente, quando você recria as condições de quando estava bêbado, você irá se recordar de tudo que fez.

Ou seja, para relembrar o que aconteceu durante uma bebedeira, o jeito é beber de novo.

O ideal é beber para ficar animado, falante, descontraído e divertido na balada, sem exagerar nas doses, acabando por ficar com amnésia alcoólica e muitas vezes, dando vexames irreparáveis.

Fonte: Super Interessante



Receba Dicas de Saúde Grátis

Tenha uma vida mais saudável com nossas melhores dicas e novidades.

Compartilhar no Facebook