Perca Peso Agora

Entenda Porque Você Não Pode Fazer Cócegas Em Você Mesmo

Quem nunca tentou fazer cócegas em si mesmo? Enquanto que uma pena no pé, colocada por um amigo, pode fazer você se contorcer de rir, você fazer cócegas no seu próprio sovaco faz tanto efeito quanto um carinho na testa.

Mas afinal, para que serve a cócega? Por que rimos quando sentimos cócegas?

Veja 7 fatos curiosos sobre o estranho mecanismo do corpo humano.

1. As cócegas têm a função de estreitar laços de amizade

Quem nunca fez cócegas em amigos ou parentes só para descontrair? Pois segundo Robert Provine, neurocientista da University of Maryland, nos Estados Unidos, é justamente essa a função do mecanismo das cócegas: estreitar laços de relacionamento entre familiares e amigos.

Além disso, a cócega é considerada um gatilho primitivo do riso, uma ação instintiva e contagiante que está relacionada à demonstração do humor.

Segundo Provine, o controle da respiração que usamos durante a risada é a base da nossa capacidade de pronunciar palavras, motivo pelo qual, segundo ele, um chimpanzé não consegue articular a fala.

2. Nós rimos quando sentimos cócegas porque ficamos tensos

Quando alguém faz cócegas em você, sensores do corpo indicam para o cérebro que há um perigo – afinal, a ação é inesperada. Sobrecarregados de informação, esses sensores mantém o corpo tenso, em alerta, fazendo com que você tente se desvencilhar das cócegas e dizer coisas como “Pare!” ou “Saia!”.

No entanto, se as cócegas continuam, a risada é uma forma de descarregar a tensão do corpo frente à situação. Afinal, todo mundo sabe que dar risada é uma boa forma de relaxar, certo?

3. É impossível fazer cócegas em você mesmo

Se no tópico anterior foi dito que o corpo fica tenso durante um ataque de cócegas devido, principalmente, ao fato de que se trata de uma situação inesperada, é meio óbvio que não possamos fazer algo em nós mesmos que nosso cérebro já não saiba.

Conforme explica o neurocientista David Eagleman, “o cérebro está sempre prevendo as nossas ações e como o nosso corpo irá reagir frente a elas”. Assim, surpreender-se a si mesmo é impossível!

4. Não é natural fazer cócegas em estranhos

Enquanto parece ser extremamente comum pegar seu irmão de surpresa e enchê-lo de cócegas, não parece ser muito apropriado fazer isso em um completo estranho. Segundo Robert Provine, você pode até fazer isso em alguém aleatório na rua, mas o seu cérebro sabe (e avisa!) que esta é uma ação nada natural.

Afinal, as cócegas, aparentemente, não têm a função de fazer novas amizades, mas de estreitar laços já existentes. Ou você já fez amigos a partir de um ataque de cócegas aleatório, no meio da avenida?

5. Você sente mais cócegas nas partes mais vulneráveis durante uma briga

Pense no lugar onde você mais sente cócegas. Este é, provavelmente, uma das partes mais vulneráveis do seu corpo durante uma briga. Geralmente, as pessoas apresentam maior sensibilidade nos pés, no peito, no pescoço e no sovaco. Faz sentido?

6. Pessoas com mais de 40 anos sentem menos cócegas

Provine também explica que as cócegas parecem ter sido feitas para jovenzinhos. Pessoas com 40 anos ou mais sentem menos cócegas e ficam menos à vontade durante essas brincadeiras. O curioso motivo o neurocientista ainda não soube explicar.

7. Cócegas incentivam a comunicação entre pais e bebês e incentivam o senso de autodefesa

As risadas provocadas pelas cócegas são uma forma comum de expressão durante os primeiros meses de vida de uma criança.

“É uma das primeiras formas de comunicação entre a criança e os pais”, afirma Provine. A mãe tende a fazer cócegas na criança enquanto uma risada é dada em troca. Quando a resposta muda, às vezes com uma cara brava ou retorcida, a mãe imediatamente para.

Segundo o psiquiatra Donald Black, da University of Iowa, nos Estados Unidos, a ação de uma criança fazer cócegas na outra é fundamental no senso de proteção. Já que as partes onde mais sentimos cócegas são as mais sensíveis durante uma situação de risco, o alerta é estimulado na criança.

Fonte: Zoinc



Receba Dicas de Saúde Grátis

Tenha uma vida mais saudável com nossas melhores dicas e novidades.

Compartilhar no Facebook