Perca Peso Agora

Dose Diária de Suco de Beterraba Melhora a Resistência e Pressão Arterial em Pacientes Cardíacos Idosos

Cientistas da Wake Forest Baptist Medical Center descobriram que uma dose diária de suco de beterraba pode melhorar significativamente a resistência ao exercício e a pressão arterial em pacientes idosos com insuficiência cardíaca com fração de ejeção preservada (ICFEP). O estudo foi publicado online no Journal of the American College of Cardiology – Heart Failure.

A intolerância ao exercício – falta de ar e fadiga com quantidades normais de esforço – é o principal sintoma da ICFEP e, em parte, se deve a fatores não-cardíacos que reduzem a oferta de oxigênio para os músculos esqueléticos ativos.

A ICFEP é uma doença recentemente reconhecida que reflete o modo como o ventrículo esquerdo do coração bombeia em cada batimento. Ela ocorre principalmente em mulheres idosas e é a forma dominante de insuficiência cardíaca, bem como o mais rapidamente crescente distúrbio cardiovascular.

Novas evidências sugerem que a suplementação de nitrato inorgânico (encontrado em vegetais como beterraba, couve e espinafre) na dieta oferece efeitos benéficos sobre o controle da pressão arterial, saúde vascular, capacidade de exercício e metabolismo do oxigênio.

Os pesquisadores da Forest Baptist Wake inscreveram 19 pacientes mais velhos em um estudo duplo-cego, randomizado para determinar o que era melhor para melhorar a intolerância ao exercício, uma dose única ou uma dose diária de suco de beterraba ao longo de vários dias. O suco utilizado é produzido por uma empresa no Reino Unido e não está disponível comercialmente no país.

Em primeiro lugar, a resistência aeróbia e pressão sanguínea foram medidas depois que os participantes receberam quer uma dose única de suco de beterraba ou de um placebo.

Os pesquisadores então administraram uma dose diária de suco de beterraba para todos os 19 pacientes por uma média de sete dias, e mediram a resistência e pressão arterial novamente. A dose do suco no estudo foi equivalente a 2,4oz (70,98ml) contendo aproximadamente 6 milimoles de nitrato inorgânico.

A equipe descobriu que a dosagem diária de suco de beterraba melhorou a resistência aeróbica em 24% depois de uma semana (p=0.02), em comparação com a dose única que não produziu nenhuma melhoria. A resistência aeróbica foi medida através do uso da bicicleta até a exaustão a uma carga de trabalho fixo inferior ao seu máximo (75%).

Outra conclusão foi de que o consumo do suco reduziu significativamente a pressão arterial sistólica em repouso nos grupos de dose única e diária por 5 a 10mmHg. Nenhum evento adverso foi associado com qualquer uma das intervenções.

“Embora estudos maiores devem ser realizados, estes resultados iniciais sugerem que o consumo diário de suco de beterraba durante 1 semana pode ser uma opção terapêutica potencial para melhorar a resistência aeróbia em pacientes com ICFEP, o que implica na melhora das atividades diárias e qualidade de vida”, afirmou Dalane Kitzman, MD, professor de medicina interna na Wake Forest Baptist e autor sênior do estudo.

    “As informações fornecidas neste site destinam-se ao conhecimento geral e não devem ser um substituto para o profissional médico ou tratamento de condições médicas específicas. Procure sempre o aconselhamento do seu médico ou outro prestador de cuidados de saúde qualificado com qualquer dúvida que possa ter a respeito de sua condição médica. As informações contidas aqui não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença.

Fonte: Essentia



Receba Dicas de Saúde Grátis

Tenha uma vida mais saudável com nossas melhores dicas e novidades.

Compartilhar no Facebook