Perca Peso Agora

14 Alimentos Proibidos para as Mulheres Grávidas. O #6 deixará você muito triste

Alimentos comuns que devem ser evitados durante a gravidez

1-Diga adeus aos queijos pastosos

Comer queijos pastosos maturados como o queijo brie, camembert, danish blue e gorgonzola durante a gravidez pode ser arriscado. Eles podem abrigar a bactéria Listeria, que tem sido associada ao aborto instantâneo, parto prematuro e morte do bebê.

Você pode comer os queijos duros tais como cheddar e parmesão, mesmo se eles não forem pasteurizados, pois os queijos duros contém menos água e a bactéria Listeria tem menos possiblidade de se multiplicar.

Outros queijos, como o feta e a mussarela, são bons para comer contanto que eles sejam produzidos com leite pasteurizado.

2- Não coma carne mal cozida

Cozinhe toda carne minuciosamente, incluindo frangos, salsichas e hambúrguers - de modo que não haja nenhum vestígio rosa ou de sangue. Carnes cruas ou mal cozidas podem abrigar toxoplasma e uma variedade de bactérias, sendo assim devem ser evitadas.

3- Atenção com os sushis

Se você está grávida sómente coma peixes e outros frutos do mar que tenham sido bem cozidos ou congelados primeiro.

Tudo ok se você comer sushi ou outro prato com peixe crú, desde que tenha sido elaborado com peixe que foi congelado previamente.

Alguns peixes contém pequenos vermes parasitas que podem provocar doenças.O congelamento ou o cozimento matam esses vermes.

4- Massa crua de biscoito

Quando você está assando biscoitos, pode ficar tentado a colocar um pouco da massa em sua boca. Mas mesmo uma provadinha pode ser arriscada se a massa tiver ovos crús.

Deve-se evitar alimentos que contenham ovos crús ou mal cozidos, e ter certeza que os ovos estão bem cozidos e com a gema sólida.

5- Molhos caseiros para salada

Ovos crús são usados para preparar muitos molhos e temperos, tais como: Caesar salad, maionese, molho holandês e outros.

Mulheres grávidas devem optar por versões industrializadas, as quais são feitas com ovos pasteurizados.

6- Tiramisú caseiro

Muitas sobremesas caseiras, incluindo mousses, merengues e tiramisús, também contém ovos crús. Alguns supermercados vendem ovos pasteurizados, os quais não causam problemas se ingeridos crús. Preste muita atenção no rótulo das cartelas de ovos, e só comprem os que são pasteurizados.

7- Peixes com mercúrio

Alguns peixes contém altos níveis de mercúrio que podem prejudicar o feto em desenvolvimento.

Mulheres grávidas deveriam evitar comer carne de tubarão, peixe espada, e limitar a ingestão de conservas de atum e seus filés.

Também não devem comer mais que 2 porções por semana de peixes oleosos, tais como salmão e sardinha.

Converse com seu médico antes de ingerir óleo de peixe ou qualquer outro suplemento enquanto estiver grávida.

8- Patês e pastas de carne

Evite qualquer tipo de patê, incluindo os de vegetais, pois eles podem abrigar a bactéria Listeria.

9- Frutas e vegetais que não foram pré-lavados

Durante a gravidez você não deve reduzir a ingestão de frutas e vegetais, muito pelo contrário. Mas deve se certificar que eles foram muito bem lavados sob água corrente.

Um parasita chamado toxoplasma pode viver em frutas e vegetais que não foram devidamente higienizados.

Esse parasita causa uma doença chamada toxoplasmose, que pode ser muito perigosa para o feto.

10- Brotos crús

Salmonella e E. coli presentes nos brotos podem causar intoxicação gastrointestinal. Só devem ingerir os produtos crús quando muito bem higienizados. Todos os brotos devem ser bem cozidos.

11- Mariscos crús

Os mariscos crús são os principais causadores das doenças transmitidas por frutos do mar.

Os culpados são os parasitas e as bactérias que geralmente não são encontrados nos frutos do mar cozidos. Então durante a gravidez deve-se sempre optar por frutos do mar cozidos. Cozinhe as ostras e mariscos até suas conchas se abrirem. Se não abrirem, descarte-as.

12- Leite não pasteurizado

Você já sonhou visitar uma fazenda e provar um leite fresquinho tirado da vaca? Se você estiver grávida, é melhor deixar isso para depois.

O leite fresco ainda não passou pelo processo de pasteurização que o protege da bactéria Listeria.

Sómente compre leite, queijo e outros laticínios de fazendas locais se tiver especificado em seu rótulo "produto pasteurizado".

13- A questão "cafeína"

Evidências mostram agora que uma moderada quantidade de cafeína é segura durante a gravidez, mas muita cafeína pode resultar em aborto, ou baixo peso ao nascer que acarreta maiores riscos de saúde ao bebê.

É recomendado não mais que 200 mg de cafeína por dia. Lembre-se que a cafeína também é encontrada em refrigerantes, chás, chocolates e bebidas energéticas.

14- Álcool

Você já deve saber que bebedeira durante a gravidez pode causar sérios defeitos ao bebê.

O que você pode não saber é que mesmo pequenas quantidades de álcool pode ser prejudicial.

Você deve evitar todas as formas de bebidas alcoólicas durante a gestação.

Futuras mamães...são pequenos cuidados, mas que irão repercutir na vida de seu filho...portanto atenção!



Receba Dicas de Saúde Grátis

Tenha uma vida mais saudável com nossas melhores dicas e novidades.

Compartilhar no Facebook